6
Dec
2015
9

O custo de se manter legal no Canadá

Muita gente me pergunta sobre custo de vida no Canadá, e realmente isso é algo que temos que colocar na ponta do lápis quando estamos nos planejando para essa mudança muito importante em nossas vidas. Porém muitos assim como eu se esquecem de um custo muito importante. O de se manter legal no Canadá! Isso é algo que tem que se considerar, porque não é barato!! Como escrevi anteriormente já fazem 3 anos que vivivemos aqui em Vancouver, e nesses dias em mais uma de nossas aplicações para fazer a extensão da work permit, eu estava separando a documentação e comecei a reparar o quando de permits que acumulamos nesses poucos 3 anos..e parei para pensar no quanto de dinheiro o Canadá já me levou nessa brincadeira ! Por isso achei muito importante escrever sobre isso. Então Vamos ao tamanho da mordida, lembrando que esses custos e processos são especificamente no meu caso:

Em 2012 iniciamos no nosso processo de estudo+trabalho e posteriormente imigração, decidimos fazer antes uma visita exploratória em Vancouver para saber se a cidade que haviámos escolhido para viver realmente atendia as nossas expecitativas. Então viemos em março de 2012 para 1 mês de estudo de inglês.

Custo:

Visto de estudo + exames médicos + despachante = CAD$ 565,00

Ainda em 2012, depois de voltarmos da nossa visita exploratória, iniciamos o processo primeiramente de aplicação para a universidade, já que ser aceita na universidade era o pontapé inicial para todo o restante.

Custos (somente da documentação para poder pegar a carta de aceitação e assim dar entrada no visto):

Taxa de inscrição + Taxa de matrícula (Condicional para emitir a Letter of Acceptance) + traduções + correio = CAD$ 3030,00

Ok, recebida a carta de aceitação da faculdade começamos o nosso processo de visto de estudo para mim e de trabalho para o meu marido, ainda nessa época como a lei era diferente da atual, eu não tive direito ao visto de trabalho, eu somente poderia me aplicar depois de 6 meses como estudante full-time.

Custo:

Visto de estudo (pra mim) + Open Work Pemit (Marido) + despachante = CAD$ 600,00

Feito tudo isso finalmente no dia 29 de novembro de 2012 desembarcamos em terras canadenses, e até ai todos esses custos estavam em nosso orçamento, e felizes da vida achamos que seriam somente eles…kkkkk agora apresendo a vocês os custos pós- Canadá!

Após 6 meses do início da minha faculdade, eu pude finalmente aplicar para a minha work permit (lembrando que hoje a lei é diferente e quem vem para estudar em uma faculdade ou college automaticamente já recebe a permissão de trabalho junto com a de estudos).

Custo:

Off Campus Work Permit ( Julho/ 2013) = CAD 150,00

A data final das nossas permits e do nosso visto era em março de 2015 e a minha faculdade acabava em maio de 2015, o que resultou em ter que pedir a extensão das nossas permits, então em janeiro desse ano demos entrada em no nosso pocesso de extensão das permissões de estudo para mim e de trabalho para o meu marido.

Custo: 

Study permit extension + Open Work Permit extension (OWP) + consultor de imigração para o OWP = CAD$ 655,00

Embora a minha faculdade acabasse em Maio e eu tinha a permissão para trabalhar até dezembro de 2015, depois de formada eu tenho um prazo de no máximo 90 dias para dar entrada na Post Graduation Work Permit, ou seja os CAD$ 150 que eu havia paga anteiormente para a extensão da minha permissão de estudos + trabalho, foi um gasto que ridículo mais eu tive que pagar para manter o meu status no Canadá e apesar de ter validade até esse mês de dezembro eu fui obrigada a pedir a minha PGWP então em junho desse ano eu dei entrada no pedido.

Custo:

PGWP = CAD$ 255,00

E então pensamos agora não precisamos mais de nada, afinal já demos entrada no nosso processo de imigração em junho do ano passado e já era para estarmos com o nosso PR na mão…então estamos tranquilo né?! NÃO!!!! NÃO ESTAMOS!!! A nossa PR está lá engavetada em Ottawa esperando a boa vontade de um funcionário do governo..então enquanto isso..vamos abrindo a carteira mais uma vez e dando mais do nosso suado dindim para o Canadá. Dá última vez que pedimos a extensão da work permit para o meu marido, ela veio com a validade de 1 ano, e vence agora no primeiro trimestre de 2016, como esse processo está levando cerca de 4 meses para ser aprovado, o mês passado demos entrada no pedido de extensão da OWP do meu marido.

Custo:

OWP Extension (marido) CAD$ 255,00

Ai como se não bastasse todos esses custos, como o nosso visto venceu em março desse ano e nós estávamos esperando a PR (que estava around the corner…só que não), decidimos não renovar, então estamos no Canadá somente com as nossas permissões, porém não podemos sair do país..quer dizer sair nós podemos, só não podemos entrar novamente, porque essas permissões nos dão o direito legal de estar no Canadá, mas não serve para reentrada. Então resolvemos aplicar para o Visitor Visa porque estamos com planos de ir ao Brasil.

Custo:

TRV (temporary Resident Visa) (x2) = CAD$ 200,00

IMG_8846 (1)


Resumo de custos


Visto de estudo + exames médicos + despachante                                CAD$ 565,00

Letter of Acceptance                                                                                CAD$ 3030,00

Visto de estudo (pra mim)/Open Work Pemit (Marido)/despachante      CAD$ 600,00

Off Campus Work Permit ( Julho/ 2013)                                                  CAD$ 150,00

Study permit Extension + OWP extension (OWP) + consultor                CAD$ 655,00

PGWP                                                                                                      CAD$ 255,00

OWP Extension (segunda vez)                                                                CAD$ 255,00

TRV (x2)                                                                                                  CAD$ 200,00


Total                                                                                                        CAD$ 5710,00

Total em Reais   (convesão 1 CAD = 3 Reais)                                       R$ 17.130,00


E eu ainda não coloquei nessa conta, o valor da tuition da faculdade, e os valores do nosso processo de imigração, esses valores somente estão relacionados aos custos burocráticos para se manter legal no Canadá pelo período de 3 anos, e os valores são referentes as datas de cada etapas, portanto os valores que pagamos em 2012 podem ser um pouco mais caros se vocês forem aplicar para o mesmo processo nos dias de hoje. Ah e somente enfatizando mais uma vez: esses valores são referentes ao processo meu e do meu marido, e cada caso é um caso,  portanto ele so serve de base para que vocês tenham uma idéia de valores.

E ai como vocês estão se planejando para vir para o Canadá? Vocês estão colocando esses válores no seu planejamento? Deixe o seu comentário, aqui nesse post!!! O seu ponto de vista é muito importante e pode ajudar outras pessoas que estão se programando para morar aqui no Canadá.

Siga o Outside Brazil clique nos links abaixo:

https://www.facebook.com/outsidebrazil
https://twitter.com/OutsideBrazilBl
https://www.instagram.com/cacaiani/

 

Está buscando as melhores opções de Hotel, temos uma ótima parceria com o Booking, não deixe de confeir:

You may also like

Global Talent Stream – CIC lança a lista de profissões e mais detalhes sobre o novo programa
1 ano em Toronto – aprendendo a amar esta cidade
7 melhores outlets próximos de Toronto
ICEFEST – Festival de esculturas no gelo em Toronto
7 eventos gratuitos para curtir em Toronto em Fevereiro
Canadá é top 10 dos países menos corruptos do mundo
Como trabalhar legalmente no Canada
10 motivos para visitar Niagara Falls
Tire suas dúvidas sobre os tipos mais comuns de vistos Canadense
Sobre a minha nova profissão no Canadá e as oportunidades que Toronto está me dando

56 Responses

  1. Claudia Rapoport

    Adorei seu Blog. Uma dúvida: Depois de estar no College 2 anos você acha provável conseguir imigração? No seu caso , só por curiosidade, você ainda não conseguiu? Obrigada e boa sorte

    1. Olá Claudia, sinceramente 2 anos é pouco tempo para conseguir o PR caso você já não possuam os requisitos para o EE, meu marido e eu viemos por college eu estudando e ele com visto de trabalho, somente conseguimos aplicar depois de 1 ano que ele estava trabalhando aqui em uma profissão qualificada. Conseguimos nossa PR depois de 3.5 anos aqui. Eu conto a nossa historia inteira no blog caso queira dar uma olhada. E nesse post tem um resumo do nosso processo: http://outsidebrazil.com/2016/03/17/o-dia-que-nos-tornamos-imigrantes-no-canada/

      Vir para cá e tentar imigrar via college é um investimento de médio e longo prazo, calcule em média 5 anos para conseguir o PR, se conseguir antes melhor! http://outsidebrazil.com/2016/12/05/vale-a-pena-tentar-imigrar-para-o-canada-via-college-ou-faculdade/

      No nosso caso tivemos muito planejamento e um pouco de sorte e por isso conseguimos imigrar em menos tempo, porém conheço bastante gente que chegou perto da mesma data que eu e ainda não conseguiram imigrar.

      Espero ter ajudado!
      Abs
      Carina

  2. Olá Carina, como está? Primeiramente gostaria de parabenizar pelo ótimo post. Eu e minha esposa estamos pensando em tentar a vida no Canadá logo após ela terminar a faculdade dela de Biomedicina. Então nossos planos é começar com o processo no início de 2018 para ter tudo pronto para 2019 finalmente realizarmos nosso sonho. Eu já tinha ideia que gastaríamos em torno de 5k a 10k apenas em documentação, mas é sempre bom poder ter um depoimento real de pessoas que estão vivendo isso agora.

    Claro que esta grana eu já não acharia tão pesada, uma vez que vocês recuperaram ela trabalhando ai no Canadá. O problema seria caso tivessem que usar o fundo de emergência para cobrir estes custos. Temos o plano de levar dinheiro suficiente para passar um ano sem trabalho, vivendo de uma forma bem econômica.

    Este é o plano… se vai dar certo são outros quinhentos! hahahaha. Minha intenção é chegar e conseguir um emprego em no máximo 2 a 3 meses, porque pesquisando acabei descobrindo que os processos de seleção ai para full time são um pouco mais demorados.

    Uma coisa que gostei foi o tempo que passou estudando inglês. Achei que seria muito mais caro. Vocês gastaram CAD $500 cada apenas? Ou esses custos foram apenas da papelada?

    E outra pergunta que sempre fico é: Você foi para Vancouver e depois mudou para Toronto? Tem algum problema eu ir fazer faculdade em uma província e depois mudar? Porque as vezes a lei de imigração muda de uma província para a outra.

    Outra coisa que gostaria de saber é se vocês fizeram toda a aplicação sozinhos, ou se contrataram uma empresa para gerenciar tudo. Eu tenho muito medo de me perder na papelada.

    Bom, era isso.
    Ótimo conteúdo!
    Grande abraço e sucesso!

    1. Olá Giancarlo, estou bem obrigada!
      Quando pensei em escrever esse post foi justamente pensando em ajudar em algo que eu nunca tinha visto ninguém comentando antes. Sempre calculamos os custos porém esquecemos de todos os trâmites burocráticos. O post é baseado somente na minha experiência no que eu gastei e pode ser que você gaste menos ou um pouco mais…cada caso é um caso.
      Todos os valores são referentes a documentação, gastei bem mais do que isso com cursos de inglês.
      Sim eu fui para Vancouver antes e me mudei para Toronto no ano passado, no total morei 3 anos e meio em Vancouver. A questão de se mudar para outro província pode atrapalhar em alguns casos: 1. se o curso de faculdade ou college que você escolher for em alguma profissão regulamentada, por exemplo: engenharia ou áreas de saúde, nessa caso cada província tem as suas regras próprias para cada profissão, então se vc estudou em Vancouver BC pode ser que quando se mudar para Ontário terá que passar por mais algum processo chato para poder trabalhar na área. 2. no caso de imigração somente tem influência se vocês aplicarem por algum processo provincial, caso contrário não.
      A minha aplicação eu fiz quase tudo sozinha, teve alguns processos de vistos que fiz com um profissional porém do resto eu fiz sozinha, mas confesso que foi um perrengue só…hehehehe tem que ter muita paciência e estudar muito, porque eu fiquei muito insegura e olha que eu sempre lidei com contratos e documentaçao em geral.

      Espero ter ajudado!
      Abs
      Carina

  3. Mirela

    Carina, obrigada por compartilhar sua experiência! As coisas aqui no Brasil estão “esquisitas” se assim posso dizer e é uma preocupação constante na minha vida que tipo de futuro poderei dar a minha filha… já que a situação atual não me inspira confiança. Tomei a liberdade de pegar o teu e-mail e gostaria de conversar um pouco mais a respeito da imigração.
    Desejo a vocês toda a sorte e sucesso no seu plano.
    Abraços,
    Mirela

    1. Olá Mirela,

      Eu entendo a sua insatisfação com o Brasil…realmente as coisas não estão bem, e isso é muito triste.

      fique à vontade para me mandar um e-mail, podemos conversar sim com certeza, ficarei feliz em ajudar no que eu puder.

      Abs
      Carina

  4. Lilian Lira

    Oi Carina!

    Vi vc comentando que pensam em mudar para Ontário. Acham que o mercado de trabalho lá é mais acessível e aberto aos imigrantes? pode até ser maior , mas não sei se esse protecionismo não é em todo Canadá? Vejo sempre pessoas com os mesmos comentários em Montreal, Manitoba, e etc… A única povincia que realmente foi menor durante o booommm foi Alberta. O que acha?

    1. Oi Lilian,
      Eu realmente não sei!! E não tenho uma opinião muito formada sobre isso, estamo cogitando essa mudança pensando na área do meu marido que o campo lá é maior, eu acredito que esse protecionismo deva existir em todo o Canadá, porém o que vejo de Vancouver é: quase todo o Canadá quer vir para cá, por conta do clima então a concorrência acaba sendo muito maior para um mercado de trabalho bem menor. Se vai ser melhor ou não eu não sei, vamos arriscar, Ontário é o centro financeiro do Canadá, lá a concentração de empresas é bem maior, não pensamos em ir para Toronto, e sim cidades menores mas bem desenvolvidas que tem condição de se conseguir bons empregos.

      Abs
      Carina

  5. Oi, Carina! Eu de novo! rs
    Queria saber se vcs se arrependeram de fazer o processo pra bc e se fossem fazer de novo considerariam outras províncias… Vejo que todos falam que morar em Vancouver é muito caro, mas pq continuam escolhendo ir pra lá mesmo assim? Fico me perguntando… kkkkk
    Beijo!

    1. Oi Rafaela, normalmente as pessoas escolhem vir para BC por causa do clima, aqui o clima é mais ameno considerando outras províncias do Canadá, nós brasileiros temos muito medo do frio hehehehe. Eu não posso dizer que me arrependo ou não, eu adoro aqui, Vancouver é linda demais, mas se paga um preço alto para morar aqui! Já consideramos nos mudar para Ontario e ainda estamos estudando essa possibilidade, não somente pelo custo de vida, mas também pelas oportunidades de carreira, vôo sem escala para o Brasil, diferença de fuso horário menor e outras coisas. Mas ainda não sabemos o que fazer! Eu acredito que províncias menos demandadas possuem mais oportunidades para novos imigrantes, Ontário e BC então bem saturadas, aqui em Vancouver o mercado de trabalho é bem difícil para empregos mais qualificados, e existe um protecionismo muito grande por parte dos empregadores, ou seja, nós imigrantes temos que provar e muito que temos as qualificações necessários para determinadas vagas, e se eles ficarem inseguros por um quesito ou outro simplesmente não contratam e ponto. Só sei que começar a vida de imigrante em uma cidade como Vancouver torna mais dificil querer mudar depois…aqui é lindo demais! hehehehe
      Bj
      Carina

  6. Luciano

    Oi Carina, boa tarde.

    Poderia me esclarecer uma dúvida. Pretendo fazer ir a um college e frequentar um curso de 1 ano (certificado).
    Verificando o calendário acadêmico, o total serão 8 meses (Tue. Sept. 6 / Fri. Apr. 21) que é o normal de 1 ano acadêmico no Canadá.

    Ocorre que para minha esposa e eu termos direito ao seguro saúde da província através do visto de estudante, é necessário termos
    uma permissão de trabalho de mínima de 1 ano.

    Li em alguns locais que normalmente o agente de imigração da a permissão de trabalho um pouco além do curso (as vezes 2 meses ou 3 meses).
    Nosso receio é de não conseguirmos o seguro saúde da provincia devido a algum ‘detalhe de data’ na permissão de trabalho.

    1. Olá Luciano, para ter direito ao MSP (BCCare) que é o seguro de saúde da província, vc precisar ter um visto superior a 6 meses (Temporary Visa) e não 1 ano como vc me falou, segue o trecho copiado do site do MSP:

      Other Individuals in B.C.

      Certain other individuals, such as some holders of study and/or work permits, or working permits on working holiday programs — which are issued under the federal Immigration and Refugee Protection Act and are valid for a period of six or more months — may be deemed residents.

      Caso vc tenha mais dúvidas pode dar uma olhada no site oficial: http://www2.gov.bc.ca/gov/content/health/health-drug-coverage/msp/bc-residents/eligibility-and-enrolment/are-you-eligible

      O que acontece é que o MSP tem uma carência de 3 meses, portanto venha com um seguro de viagem/saúde particular por esse período e assim que chegar depois de tirar os seu doc de identificação já solicite o seu MSP e o da sua esposa.

      Espero ter ajudado!
      Abs
      Carina

      1. Luciano

        Olá Carina, bom dia.

        Primeiramente, obrigado pela atenção e rápida resposta. Na verdade eu cometi um erro na minha pergunta anterior ao não ter mencionado que tratava-se da província de Yukon, me desculpe.

        Neste caso, o texto diz: “If a person is in Yukon on a work visa, it must be for a minimum of 1 (one) year to be eligible. A study visa does not entitle a person To Yukon health care insurance.” – http://www.hss.gov.yk.ca/yhcip.php

        Fiquei na dúvida, pois a permissão de trabalho da minha esposa terá a mesma validade do período de tempo da minha permissão de estudo e como 1 ano letivo no Canadá costuma ser algo em torno de 8 meses, não estaríamos elegíveis. Apesar disso, li em alguns outros relatos que apesar do curso durar 8 meses, a permissão de trabalho normalmente é concedida por 14 meses, mas isso depende do oficial de imigração. Qual é a sua opinião a respeito? Obrigado.

      2. Oi Luciano, então para a província de Yukon é exigido 1 ano de work permit!!! Aqui as províncias são autonômas e portanto cada uma tem suas próprias regras e leis!!! Com relação ao visto e tempo de estudos o oficial no meu caso me deu 3 meses a mais…o meu curso terminaria em dezembro e me foi dado um visto até março. Acredito que seja normal esse tempo. Mas isso vai depender muito mesmo do oficial de imigração!! Reza para ele estar em um dia muito bom…
        Boa sorte!

  7. Daniela

    Olá Carina, gostei do seu post !!
    Eu e meu marido estamos programando nossa ida em maio/17 e já estamos levantando todos os custos.
    Fui em uma agência de intercâmbio que nos mostrou opções de cursos técnicos co-op (estágio remunerado) os custos por pessoa chegam a 23k com opção de moradia em casa de família por 4 semanas.
    Você conhece estes cursos?

    1. Olá Daniela,

      Eu conheço sim os cursos de Co-op e acho eles bem interessantes caso vc pretende somente passar um período aqui no Canadá para estudar e ter uma experiência de trabalho, e depois retornar para o Brasil. Caso pretenda imigrar no futuro através de um programa de estudos o Co-op não se enquadra nesse perfil.
      Se tiver mais dúvidas e quiser me mandar um e-mail fique à vontade: contato@outsidebrazil.com

      Abs
      Carina

  8. Daniele Betcel

    Oi Carina, Boa Tarde. Conheci hoje seu blog através do Blog Gaby no Canadá. Começamos há poucos meses, eu e meu esposo, a construir esse sonho. E claro, nós ainda não tínhamos noção desses custos. Nosso plano é bem parecido com o seu, queremos Vancouver, e estamos planejando passar 10 dias em Abril/2016 (férias), para conhecer, afinal não fazemos ideia do que de fato nos encanta tanto aí do outro lado. Sobre a “mudança” eu também iria estudando, e meu esposo tendo a permissão para trabalhar. Estamos bem no início dessa “construção”, ainda tem um caminho a percorrer. Mas, quero agradecer seu post que foi de grande valor para nós. Ah! Meu esposo é fotógrafo, vc saberia me dar alguma informação a respeito dessa área aí, em Vancouver?

    Que Deus abençoe vc e sua família,
    Daniele Betcel

    1. Olá Daniele,
      Muito obrigada pelo seu comentário, fico muito feliz com o seu feedback e em saber que o meu blog tem te ajudado!!! Espero que dê tudo certo para vcs e como vcs virão para Vancouver antes para visitar prepare-se para se apaixonar, a cidade é linda especialmente em Abril que será primavera!!!!
      Quanto ao ramo de fotografia não sei mesmo te falar, o meu marido é fotográfo somente por hobby e nunca pesquisou a fundo sobre a profissão, o que eu sei é que Vancouver atrai muitos fotográfos…sigo várias contas no Instragram ..deve ser bem concorrido o mercado heheheehe
      Abs
      Carina

  9. Idney

    Muito bem carina! Tirei bastantes dúvidas tbm em relação com as perguntas de todos, meu sonho é estudar e trabalhar com mecânica ai no Canadá, estudei na wizard e ja da pra me virar bem só que agora é esperar a melhor hora!!!

    1. Olá Idney, muito obrigada pelo seu comentário…e eu semore incentivo as pessoas a comentárem e falarem um pouco de suas experiências justamente para que outras pessoas possam tirar as dúvidas e até se inspirarem!!! Que bom que isso foi útil para vc.
      Desejo que dê tudo certo no seus planos e que a melhor hora chege logo…se precisar de alguma assistência educacional me avise!
      Abs
      Carina

  10. Tami Balistrieri

    Olá,

    Adorei seu post, te encontrei no grupo do Canada para Brasileiros pelo Face. Parabéns!

    Estou com uma dúvida enorme em relação aos estudos no Canada, estou me formando esse ano em adm aqui no Brasil, e fazendo um processo com um College que se chama Greystone, já fiz a prova online e hoje eles vão me ligar para uma pequena entrevista para depois me mandar a carta de aceitação.
    Eu escolhi o Co-op Program em Toronto, curso Business Administration com duração de 50 semanas, e me dá direito ao work permit por 20 horas semanais e mais estagio na área não remunerado.

    Bom, foi basicamente isso que a agência me passou, mas ainda estou insegura quanto a esse tipo de curso, esse tipo de programa é bem visto aí no Canada? Acho que não é um College e sim tipo um curso técnico né?

    Você acha que se eu solicitar um visto para meu marido para me acompanhar durante o curso, ele ganha a permissão para trabalho enquanto eu estudo por esse tipo de programa?

    Já estou um tempo planejando a minha viagem para o Canada, mas a minha intenção é estudo mesmo, e se houver a possibilidade de migrar futuramente beleza, mas não me apego muito a isso.

    Agradeço desde já!

    Abraços e sucesso aí

    1. Oi Tami, fico muito feliz em saber que vc gostou do meu blog!!! 😉

      Esse tipo de programa (CO-Op) é bem comum por aqui, e eu conheço o Greystone porém não conheço niguém que tenha estudado lá, para te dar uma posição se a escola é boa ou não. Provavelmente esse é um curso que te fornecerá um certificado, porém não um degree..seria mais ou mesnos como uma especializaçao…uma educação continuada no Brasil. Com relação ao visto para o seu marido eu Não saberia te dizer, eu acredito que sim, pq tenho amigos aqui que vieram para fazer um co-op e o acompanhate tem direito ao visto…porém teria que ver certo as condições do seu curso, o que irá vir escreto na sua LOA (carta de aceitação), aconselho a procurar um com consultor apra te ajudar com o visto.
      Com relação a imigração no futuro eu acredito que o Greysotne por ser um college particular não oferece essa possibilidade…pa para os programas de imigração somente os colleges públicos se enquadram no programa!

      Espero ter ajudado…abs e muito obrigada!!!
      Carina

    2. Laislaura

      Oi Tamy, tudo bem?

      Tenho 2 amigos que fizeram dessa forma que vc optou, porém em Vancouver.
      Eles tinham receio de talvez nao adaptarem a cidade e tudo mais.
      Ela estudou e trabalhou e ele recebeu o WP sim.
      Eles decidiram ficar, e ano passado aplicaram pra um College público para tentar a imigração 🙂
      Espero que o seu plano dê certo.

  11. Clayton

    Ótimo post.
    Hj o meu projeto Canadá.
    Se resume em 60 mil CAD.
    6 meses de inglês
    Custo de vida para esses 6 meses
    College 2 anos
    Custo de vida para o 1°ano
    Lembrando q o projeto é para um casal.
    Logo o valor dos 6 meses de inglês é dobrado.
    E o custo de vida é na faixa de 2mil CAD mensal.

  12. Rejane

    Olá Carina, obrigada pelo post. Estou pensando em fazer isso, estudar e trabalhar e levar meu filho. Meu irmão já está no Canadá, talvez isso facilite minha ímã, não sei. Mas obrigada pelas informações. Foram super úteis. Vou me planejar melhor. Abraços.

    1. Oi Rejane, que bom que vc gostou do post, fico muito feliz!!! Muito obrigada pelo seu comentário e desejo muito boa sorte e que tudo dê certo e vc consiga vir para cá logo.

      Abs
      Carina

  13. Bruno Reis

    Bom dia Carina eu acabei de me formar em engenharia mecânica, estou solteiro e não tenho filhos quero morar no CANADÁ, mas ai vem os problemas, meu inglês e ruim e eu quero fazer uma pós graduação no CANADÁ, o que eu devo fazer primeiro ir para um curso de inglês no CANADÁ ou me inscrever direto em uma faculdade ?

    1. Olá Bruno, a hora de arriscar é agora que vc acabou de se formar e não tem nada a perder!! Como vc quer fazer uma pós graduação esses programas normalmente exigem um inglês muito bom, eu te aconselho a pesquisar escolas de inglês que tenham um programa chamado Pathway para a faculdade que vc deseja cursar. Esse programa é direcionado para o inglês acadêmico e um preparatorio para quem deseja fazer estudar em um universidade, além de ser um facilitador para comprovar o seu nível de inglês quando for submeter as sua matrícula para a faculdade.

      Espero ter ajudado!!
      Abs
      Carina

  14. Gilvonete

    Olá, obrigada pela postagem quanto aos gastos. Só não entendi porque há 2 valores relativos ao visto de estudo. Poderia me explicar?

    Visto de estudo + exames médicos + despachante CAD$ 565,00

    Visto de estudo (pra mim)/Open Work Pemit (Marido)/despachante CAD$ 600,00

    1. Olá Gilvonete, conforme escrevi no post, eu vim ao Canadá para uma visita exploratória e como iria ficar um tempinho vim para um curso de inglês, e por isso tirei o meu primeiro visto de estudos! Depois disso decidimos voltar no final do mesmo ano para eu estudar em uma faculdade e precisei de mais um vistos de estudos.

      Obrigada pelo seu comentário!
      Abs
      Carina

  15. Patrícia

    Muito bom seu post, realmente precisos nos planejar, mas me fala uma coisa, a faculdade VC precisou pagar a vista ou VC paga por ano, é que estou interessada em estudar no Canadá mas não tenho dinheiro suficiente para pagar tudo a vista. Eu começando o college ou a universidade, já posso trabalhar? Ou tenho que esperar 6 meses? Desde já obrigada 😉

    1. Oi Patrícia, muiti obrigada pelo seu comentário! Quanto a faculdade não é preciso pagar a vista não, vc paga o term que for cursar, porém vc precisa ter fundos suficientes para provar que tem condições de pagar a faculdade ou college por pelo manos um anos, assim como dinheiro para se manter nesse 1 ano, isso é exigido para wue vc consiga ter o seu visto aprovado. E sim quando vc iniciar a faculdade e ou o colelge vc já terá direito ao visto de trabalho part-time.

      Abs
      Carina

  16. Dalila

    É… A historia de imigrar para o CA é linda e maravilhosa mas infelizmente ainda é bem seletivo pelos seus altos custos! Penso muito em voltar para la e fazer im mestrado internacional, por isso ja guardo uma grana pq sei que a paulada é grande hehe! Mas no final é bem gratificante

    1. Olá Dalila,

      Realmente é muito caro o “custo de se imigrar”!!! Desejo boa sorte no seu planejamento e espero que logo logo vc venha cursar o seu mestrado aqui. E sim no final deve ser muito gratificante hehehee

      Abs
      Carina

  17. Marcelo

    Oi Carina tudo bem? Ficamos muito felizes com suas vitórias ! Que notícias boas recebemos não é? Se não for incômodo você poderia por favor me enviar por email o nome da conmsultoria de imigração que vocês usaram?

    Muitíssimo obrigado viu?

    Abração em vocês !

  18. Ana

    Nossa, fico vendo seus posts e fico tão feliz…mas ao mesmo tempo com medo! As vezes acho que não conseguirei ir praí tão logo quanto gostaria. Casada e com duas filhas, vai ficar bem mais caro!! Mas tenho fé que tudo vai dar certo! Um dia consigo chegar até ai! Obrigada por dividir suas experiencias conosco!

    1. Olá Ana, muito obrigada pelo seu comentário!!! Tenha pensamento positivo e planejamento que vai dar tudo certo…se vc realmente deseja vir tenho certeza que conseguirá!!!

      Abs,

      Carina

  19. Guilherme

    Muito bom o conteúdo, deixa claro que o que o consulado pede de comprovação financeira não é o suficiente, temos sempre que levar em consideração esses processos de ‘manutenção’ legal no país.
    Só um detalhe no caso de conversão CAD para BRL, é CAD$ 1,00 = BRL$ 3,00

    1. Olá Guilherme, obrigada pelo seu comentário!! E é verdade mesmo quanto a comprovação de renda..cada vez que vc faz uma extensão de visto ou permissão é necessário comprovar renda, e se corre o risco de depois de um tempo vivendo no Canadá ter o visto ou permissão negados por que não consegui comprovar a renda necessária.
      Com relação ao dolar o 1 dolar canadenses vale em média R$ 2.80 porém com a o banco aplica outro valor (pq eles não são burros nem nada) dá ultima vez que trouxe paguei R$ 3,02. (Obs: o dolar Canadense é mais barato do que o dolar americano).
      ** eu inverti no post..mas já arrumei – obrigada!

      Abs
      Carina

  20. Fernando

    Olá, tudo bem. Parabéns pelo blog!! Excelente. Por tudo que li e assisti, nada me assusta mais do que o custo, seja para inglês, college ou a imigração. É muito dinheiro. Já morei fora do país por dois anos..E não tenho o menor problema com adaptação ou saudades disso ou daquilo exceto família. Mas o custo esse é o problema…. Você tem que vender tudo que tem no Brasil e tentar a sorte e se não der certo não dá para voltar.. Pois sem dinheiro e fora do mercado…sem chance..Que duvida cruel. Posso ter mandar um e-mail?

  21. Angelica

    Aqui no Brasil ta tudo muito difícil, crise ta feia.
    Quanto a trabalho, existem várias pessoas qualificadas fora do mercado por conta da crise.
    Se eu fosse vocês, ficaria por mais um ano no Canadá.

    Boa sorte!

    1. Olá Angélica, obrigada pelo seu comentário!! Eu tenho acompanhado sim a crise no Brasil, infelizmente nosso país não anda muito bem!
      Eu não tenho planos de voltar não, se tudo der certo fico por aqui por muitos e muitos anos ainda!!

      Muito obrigada!
      Abs
      Carina

Seja bem vindo e muito obrigada por seguir o OutsideBrazil!

%d bloggers like this: