27
Jul
2016
6

Entendendo o sistema de imigração Canadense

Recentemente eu fiz uma pesquisa aqui no blog, perguntando dentre várias questões, quais os assuntos que vocês mais gostariam de ver por aqui? É claro que não foi nenhuma novidade que assunto mais “votado” digamos assim foi imigração, já que a demanda de brasileiros interessados em sair do Brasil continua bem grande. Então por esse motivo irei começar uma série de posts abordando um pouco dos processos de imigração do governo canadense. Aproveitando: eu gostaria muito de agradecer a todos que responderam a pesquisa, eu adorei o feedback de vocês, fiquei realmente muito surpresa com o número de pessoas que participaram!!! Thank you guys, you are awesome!!!!

Entendendo o sistema de imigração Canadense

Para início de conversa, quero enfatizar que não sou nenhuma profissional ou expert no assunto, sou somente uma pessoa extremamente curiosa que adora pesquisar sobre o tema, e como eu trabalho com estudantes me vejo sempre envolvida com esse assunto diariamente. As fontes que irei utilizar aqui, são as oficiais do governo Canadense, e a principal delas é o site do consulado do Canadá o CIC. O intuito aqui é passar algumas informações de forma simples para que vocês tenham uma ideia geral de como todo o sistema funciona.

Os pilares do sistema de imigração canadense são: Economic Classes, Family Classes e Refugee and Humanitarian Classes, irei abordar aqui e nos próximos posts somente o primeiro e o segundo tema, já que o terceiro não é muito comum, para nós brasileiros.

O Canadá é um país formado por imigrantes, e aberto à receber pessoas que desejam imigrar para o Canadá de qualquer parte do mundo. Então quando vemos aqueles artigos dizendo que o Brasil quer brasileiros, isso pode até ser verdade, porém o Canadá não quer somente brasileiros, e por isso nós brasileiros não temos nenhum tipo de privilégio no sistema de imigração do Canadá. O Canadá quer atrair qualquer pessoa que tenha o desejo de imigrar, desde que isso também seja bom para ele. Pense nisso! Qualquer pessoa que atenda os requisitos exigidos pelo governo em 1 de seus vários programas de imigração podem se qualificar para se tornarem imigrantes, porém outro ponto a se considerar é o fator admissibilidade. Mesmo que você seja qualificado, ainda tem quesitos que serão checados entre eles: saúde e criminal records. Ser aprovado em um programa de imigração, também não é garantia de entrada no país, pois a decisão final sempre será do oficial de imigração (CBSA – Canada Services Agency) que fará a checagem final nos portões de entrada do Canadá, ou seja, nas fronteiras.

Economic classes – destinado à pessoas que possam contribuir ativamente para a economia canadense, e que tem condições de atender o mercado de trabalho como um profissional qualificado e/ou contribuir para a economia canadense sendo como trabalhador qualificado, empreendedor, self employee, entre outros. O candidatos, para se enquadrarem nessa categoria precisam preencher vários requisitos de acordo com cada programa. Por exemplo: para o Skilled Worker precisa obrigatoriamente ter experiência profissional de no mínimo 1 ano em um profissão qualificada (NOC 0, A ou B), proficiência no inglês, formação acadêmica, capacidade financeira para se estabelecer por aqui principalmente no começo e outro requisito levado muito em consideração é a idade.

Family Classes – voltado para unificação de famílias. Ou seja, um cidadão canadense ou um residente permanente tem o direito de ser “Sponsor” de esposa (o), Commom-Law (quando o casal já vive junto porém não são casados), pais, avós, filhos e filhos adotivos (até 18 anos) e crianças órfãns – (que possua grau de relacionamento como por exemplo: sobrinhos(as) menores de 18 anos e que sejam dependentes financeiros  do apalicante principal).

Refugee and Humanitarian classes – é destinado a pessoas que vivem em zonas de conflito (guerras) e pessoas que sofrem algum tipo de perseguição, violação de direitos humanos, ou seja,  são pessoas que são forçadas a fugir de seus países de origem por algum motivo de força maior. Nesses casos as pessoas que são aceitas nesse programa não podem nunca mais voltar para o seu país de origem, nem que seja para uma simples visita temporária aos parentes. E não adianta alegar que a economia no Brasil tá complicada, que o país é violento nada disso, a questão aqui é bem diferente.

Canadian Immigration Chart2

Informations retrieve from: www.cic.org.ca – Outside Brazil Blog

 

Dentre as 3 classes, a que mais oferece programas de imigração é a Economic classes, e também essa é a categoria que mais traz imigrantes para o Canadá, segundo o CIC só em 2014 foram cerca de 165 mil novos imigrantes de um total de 260 mil. Portanto isso deixa bem claro qual é o perfil mais desejado pelo Canadá.

Nos próximos posts irei falar mais dos processos descritos na categoria Skilled Immigrantes e Express Entry, sempre abordando o tema em uma linguagem simples, para que todos que estejam iniciando suas pesquisas possam entender. Enfatizo que todas as informações colocadas nesse post são tiradas do CIC, que é o site oficial do consulado canadense, e que as informações são passadas de forma geral. Caso você tenha dúvidas específicas sobre o seu caso e/ou não consegue achar as informações necessários para o seu perfil no site do CIC, recomendo procurar um profissional de imigração.

Então se você se interessa bastante pelo tema, fique por perto que no próximo post irei começar a detalhar cada processo começando pela categoria Skilled Workers.

Source: http://www.cic.gc.ca/english/index.asp

Source: http://www.cic.gc.ca/english/resources/statistics/facts2014/permanent/02.asp
Siga o Outside Brazil clique nos links abaixo:

https://www.facebook.com/outsidebrazil
https://twitter.com/OutsideBrazilBl
https://www.instagram.com/cacaiani/

Está buscando as melhores opções de Hotel, temos uma ótima parceria com o Booking, não deixe de conferir:



Booking.com

4 Responses

  1. Rossano

    Kkk.
    Carina, não lembrava que já havia elogiado e fiz um comentário idêntico ao de cima. Fica o reforço do elogio. Suas matérias tem ajudado muito a esclarecer certas dúvidas. Abraços.

  2. Rossano

    Carina, quero apenas elogiar o seu excelente trabalho de informar a todos que também tem o sonho de viver no Canadá, mais ainda, por você fazer isso sem o mercantilismo geralmente praticado.
    Desejo sucesso e muitas bençãos em sua vida.

Seja bem vindo e muito obrigada por seguir o OutsideBrazil!

%d bloggers like this: