7
Nov
2016
3

Estudantes Internacionais são os Imigrantes Ideais para o Canadá

Em matéria recente The Globe and Mail a autora destaca os pontos principais do debate do governo Canadense sobre o papel da imigração na economia canadense, e o principal ponto do debate está em torno de estudantes internacionais, e de possíveis mudanças no sistema para facilitar o processo de imigração para essa categoria. Veja abaixo os principais pontos do debate:

O governo Canandense está atualmente debatendo o papel que a imigração desempenhará no crescimento econômico durante a próxima década e além. Um painel consultivo federal liderado por Dominic Barton, diretor-gerente global da McKinsey & Co., recomendou que o número de imigrantes no Canadá aumentasse em 50% em cinco anos. Estudantes internacionais e trabalhadores altamente qualificados são mais propensos a ter sucesso econômico, disse o conselho, e seu recrutamento deve ter prioridade. John McCallum, ministro de imigração do Canada, disse que os problemas enfrentados pelos estudantes internacionais devem ser resolvidos, embora o governo tenha rejeitado essa ambiciosa meta de crescimento quando definiu os níveis de imigração no dia 1 de novembro deste ano.

As universidades canadenses tem pressionado o governo para reformas no Express Entry (EE) para que coloquem menos ênfase na experiência de trabalho e mais em credentials canadenses. As Universidades argumentam que os estudantes internacionais são os imigrantes ideais, socialmente integrados e com experiência de trabalho aqui, bem como com valiosas conexões com o mundo. Uma das principais mudanças destacadas pelo IRCC é a de ser atribuído mais pontos no Express Entry para os estudantes internacionais de acordo com o nível educacional adquirido no Canada. Outras mudanças poderiam incluir requisitos mais flexíveis para aplicações de avaliação da Labour Market Impact Assessment (LMIA) para os empregadores que desejam contratar estudantes internacionais.

A revisão de como o Express Entry afeta estudantes internacionais incluiu ” mais ofertas de trabalho; exigência de LMIA;  e como o Express Entry pode ser usado para favorecer estudantes internacionais, e candidatos a imigrações que possuam irmãos (com PR e ou cidadãos) no Canadá,” disse o porta-voz do departamento de imigração.

Tornar mais fácil para os estudantes internacionais se tornarem residentes e eventualmente cidadãos ajudará as faculdades e universidades canadenses a permanecerem competitivas com países como Austrália, Grã-Bretanha e Estados Unidos. Durante a última década, o Canadá viu quase uma duplicação de estudantes internacionais estudando aqui. O número de estudantes que permanecem permanentemente também aumentou, de cerca de um quarto na década de 1990 para um terço no período mais recente de 10 anos. Mas o crescimento do recrutamento de estudantes desacelerou.

“Somente os estudantes internacionais com empregos qualificados ou empregos altamente remunerados no Canadá antes de obter status de residência permanente tiveram ganhos significativamente maiores do que os imigrantes que foram diretamente admitidos do exterior”, escreveu Feng Hou, pesquisador principal do StatCan do Canadá.

O problema no Canadá foi que, no ano passado, mesmo os estudantes que encontraram sucesso aqui não viram que isso se traduziu em aplicações de imigração positivas. Para Viviana Moran, nativa do Equador, que se formou na Universidade Bishop’s em Sherbrooke, Ontário, e trabalhou por quase dois anos para uma empresa de tecnologia em Londres, Ontário, isso significou escolhas difíceis sobre seu futuro. Sem pontos suficientes para se qualificar para residência permanente e sua permissão de trabalho quase expirando, Moran embarcou em setembro e voltou para o Equador.

Será que muda alguma coisa para essa categoria, eu vim para cá para estudar e depois de formada não vi muito futuro para mim caso tentasse imigrar, mesmo com uma experiência canadense, inglês e formação em uma universidade daqui eu não somava pontos suficientes no EE. No nosso caso conseguimos imigrar por um outro processo e não através do International Post-Graduated programa que BC oferece e muito menos pelo atual EE. Espero mesmo que o governo comece a dar mais oportunidades para as pessoas que vem para o país para estudar e dedicam muito tempo de suas vidas e muito dinheiro nesse projeto e que de certa forma estão sendo deixados para trás.

Fonte: http://www.theglobeandmail.com/news/national/ottawa-to-revise-how-it-assesses-permanent-residence-applications/article32701307/

Siga o Outside Brazil clique nos links abaixo:

https://www.facebook.com/outsidebrazil
https://twitter.com/OutsideBrazilBl
https://www.instagram.com/cacaiani/

 

TransferWise a maneira mais simples e barata de transferência internacional!

You may also like

Global Talent Stream – CIC lança a lista de profissões e mais detalhes sobre o novo programa
1 ano em Toronto – aprendendo a amar esta cidade
Overview – Relatório final do Express Entry referente ao ano de 2016
7 melhores outlets próximos de Toronto
ICEFEST – Festival de esculturas no gelo em Toronto
7 eventos gratuitos para curtir em Toronto em Fevereiro
Canadá é top 10 dos países menos corruptos do mundo
Como trabalhar legalmente no Canada
10 motivos para visitar Niagara Falls
Tire suas dúvidas sobre os tipos mais comuns de vistos Canadense

2 Responses

  1. Olá Carina!! Gostei muito de suas dicas e informações. Eu e meu marido estamos buscando o maior numero de informações para migrar como estudantes. Estamos com muitas duvidas. Estamos procurando o melhor curso para que ele possa fazer e já aplicar com alguma oportunidade de trabalho. Pretendemos ir com nossa duas filhas também. Você poderia dar mais dicas de liberação de vistos para estudantes e cursos no caso dele na área de Educação? Pensamos em ir para Winnipeg o que você recomenda?

    Agradeço se puder.

    Abraços

    Att. Bárbara Fischer

    1. Olá Barbara, muito obrigada pelo seu comentário, fico feliz em saber que você gostou do meu blog.
      Claro que posso te ajudar será um prazer!!! Como vocês estão querendo vir com a família toda e tem planos de imigrar no futuro eu recomendo que optem por fazer um college público. Está opções é sim um pouco mais cara se compararmos com college privado, porém no college privado suas filhas não terão direito de frequentar a escola pública e terão que pagar como estudantes internacionais. Então colocando na balança o college público é o melhor custo benefício. Outra vantagem de um college público é a possibilidade de pontuação no Express Entry e também a elegibilidade para outros programas de imigração provinciais.

      Eu tenho algumas parcerias com Consultores Educacionais que podem orientá-los na escolha de um curso para vocês na área de interesse, se quiser a indicação me manda um email no contato@outsidebrazil.com

      Abs
      Carina

Seja bem vindo e muito obrigada por seguir o OutsideBrazil!

%d bloggers like this: