9
Feb
2017
4

São Francisco #1 – Chegando na cidade

Viajar é uma das coisas mais gostosas do mundo na minha opinião, sou daquelas que deixa de comprar coisas caras, dispenso baladas e jantares fora somente para economizar para a próxima viagem. Sabe aquela frase que sempre rola pela internet: “Se viajar fosse de graça, vocês nunca mais me veriam”. Então sou dessas! Mas o melhor de viajar é viajar para o lugar certo, sim porque existem sim lugares que são uma furada. Mas esse não é o caso de São Francisco na Califórnia…definitivamente não é!! São Francisco é uma daquelas cidades que você se apaixona de cara, e não tem nem como pestanejar. quando se dá conta você percebe que não quer sair de lá nunca mais. Sei-la, tem alguma coisa no ar, na água…não sei, mais é alguma coisa que te deixa completamente louco por essa cidade. Mal cheguei de viagem e já quero voltar!

Tem tanta coisa legal para se fazer por lá que fica difícil decidir o que fazer, me dei conta que São Francisco não é uma cidade para ficar pouco tempo, ou se não tiver escolha tem que voltar. Eu sempre digo que o mundo é muito grande para ficar repetindo figurinha, massss no caso de São Francisco abro exceções e várias. Nesse post irei fazer um apanhado geral de tudo o que fiz por lá e depois irei detalhando alguns lugares e atrações em posts mais específicos. Então preparem-se para ouvir falar e muito de São Francisco por aqui, e espero que gostem!

Painted Ladies – Foto: Outside Brazil Blog

Chegando em São Francisco

Chegando no SFO o aeroporto de São Francisco e depois que passar por toda a burocracia do tipo dar um oi para os oficiais de imigração e pegar as malas na esteira é hora de pensar em como chegar à cidade. O aeroporto fica cerca de um 40 minutos de São Francisco e claro dá para usar taxi, Uber e o Lyft (um sistema igual ao Uber que tem em SF), mas claro se você quiser economizar existe a opção de ir de BART, que é um Airtram (metrô de superfície). Dentro aeroporto no seu terminal de desembarque pegue o Airtram interno (Red Line) para ir até o terminal G e do terminal G pegue o BART sentido Pittsburg/Baypoint – Yellow Line, essa linha irá cruzar São Francisco e entao é só ver a estação que ficará mais próxima de onde você estará hospedado. Tenha em mente que o sistema fecha às 12:00 am e reabre as 4:00 am e o valor é: $8.95.

BART Map System

Onde se hospedar em São Francisco

A primeira coisa à considerar é que São Francisco é uma cidade super cara em termos de hospedagem. Até hotéis mais simples custam uma fortuna, então, não tem muito segredo o único jeito aqui é por a mão no bolso e se preparar. Ficamos em São Francisco durante 8 dias e nesse período nos hospedamos em dois hotéis diferentes. Um deles nós escolhemos por que queríamos relaxar e estar em um lugar lindo e romântico e o outro hotel como o meu marido estaria em um evento da empresa dele, então a empresa bancou o hotel (sorte a nossa!!). O primeiro Hotel que nos hospedamos foi o Inn at Presídio, calma não ficamos na cadeia não! O Hotel tem esse nome por que fica dentro do parque chamado Presidio, onde antes foi um forte e o nome vem do espanhol que siginifical significa fortificação. O complexo todo aonde fica o hotel é MARAVILHOSO, e irei fazer um post especifico para o hotel porque é lindo demais e eu amei cada segundo que ficamos hospedados lá. Já o segundo hotel fica próximo da Union Square e Civic Center foi o Holiday Inn Civic Center. O localização em termo de transporte público foi fantástica, por ficar ao lado da Market Street, a rua principal de São Francisco eu conseguia pegar ônibus para todos os lugares, muito conveniente!

  • Inn at Presidio – para quem busca algo mais romantico
  • Holidays Inn Civic Centre – melhor localização para quem irá depender de transporte público

Segue o mapa com a localização dos 2 hotéis que ficamos hospedados em São Francisco.

Para reservar um desses hotéis em São francisco faça a busca aqui:



Booking.com

Transporte Público

É super fácil usar o transporte público de São Francisco eeu achei também muito eficiente, além do mais, é muito mais barato do alugar um carro e pagar pelo estacionamento, que vai por mim é caríssimo!!! Os estacionamentos próximo da Fisherman’s Wharf eram coisa de $3 por 15 minutos, ou seja, $12 doletas a hora. Então, deixávamos para fazer tudo de busão, mesmo quando saíamos para jantar e voltavamos mais tarde foi super tranquilo. O valor do ônibus é $ 2,50 e a empresa que administra o transporte da cidade é a Muni. Veja o valor para o transporte aqui:

  • Single Ride Muni Bus/Train: $2.50
  • Single Ride Cable Car Ticket: $7
  • 1-Day Visitor Passport: $21
  • 3-Day Visitor Passport: $32
  • 7-Day Visitor Passport: $42
  • Adult CityPASS: $94

Se você quiser dá para baixar o aplicativo 511 SF Bay Transit Planner Trip, com ele você consegue consultar todas as rotas de ônibus, street car e cable car da cidade, assim como os horários e também é possível planejar o seu itinerário.

Historical Cable Car – Foto: Outside Brazil Blog

Atrações

San Francisco CityPASS

Irei fazer um post sobre todas as atrações do CityPASS de São Francisco, mas queria enfatizar que! Além das atrações serem super legais, ele inclui 7 dias de transporte À VONTADE pela cidade!!!! Levando em conta que: o passe semanal custa $42 e que você ainda tem direito a 5 atrações para poder visitar, isso quer dizer você está pagando apenas + $52 por 5 atrações. COMPENSA E MUITO. E a vantagem do CityPASS é que você poderá garantir o seu online, e quando chegar em São Francisco na primeira atração ou no visitor centre já dá para trocar pelo seu bloquinho com os ingressos. Assim você evita filas nas atrações e ainda economiza muito!!!!

Garanta já o seu:


San Francisco_728x90

Atrações inclusas no CityPASS:

  • Cable Car and Muni Bus Passport
  • California Academy of Sciences
  • Blue & Gold Fleet Bay Cruise Adventure
  • Exploratorium   ou   Young Museum
  • Aquarium of the Bay ou  Monterey Bay Aquarium

Golden Gate – Foto: Outside Brazil Blog

GO Card

Também é outra opção para economizar em atrações e ainda poder circular pelo trasporte público por 2 dias. Eu achei uma opção bem viável e bem legal porque no meu caso eu escolhi o 4 choices e pode optar por 4 atrações que eu gostaria de visitar, e é super fácil de comprar e usar. Você faz a compra pelo próprio site ou la na cidade mesmo, em todas as atrações o cartão é vendido, e você ainda tem a opção baixar no seu celular. O Go Card tem as seguintes configurações:

  1. Choices: você poderá optar por 3 tipos de cartões: 3 choices, 4 choices e o 5 choices, isso significa que dependendo do cartão que você comprar você terá direito a um determinado número de atrações turísticas para visitar durante 30 dias. Sendo assim serão por exemplo 4 ingressos dentre 27 atrações.
  2. All inclusive: nessa opção você compra um cartão com todas as atrações inclusas e pode escolher entre: 1, 2,3 ou 5 dias, sendo assim caso você escolha a opção de 3 dias por exemplo, você tem 3 dias para fazer tudo o que conseguir dentre as 27 atrações turísticas disponíveis.
  3. Build your own: nessa categoria você pode configurar o seu cartão já escolhendo as atrações que gostaria de visitar.

Lista das atrações disponíveis:

Durante a minha viagem eu usei os dois o CityPASS e o GOCard e adorei, achei que economizei bastante e ainda pude andar tranquilamente pela cidade sem pagar a mais pelo transporte. Recomendo os dois porque você tem uma boa seleção de atrações que você poderá conhecer e ainda economizar.

Pessoal, fiquem por ai que logo logo mais posts com mais dicas de São Francisco!!!

Siga o Outside Brazil clique nos links abaixo:

https://www.facebook.com/outsidebrazil
https://twitter.com/OutsideBrazilBl
https://www.instagram.com/carinabarros_outsidebrazil/

You may also like

Le Colonial São Francisco- uma fusão de sabores da cozinha Francesa e Vietnamita
Brasileiros pelo Mundo – Um Casal Brasileiro em Miami
10 lugares imperdíveis em Los Angeles

2 Responses

Seja bem vindo e muito obrigada por seguir o OutsideBrazil!

%d bloggers like this: